Boa tarde! Hoje é domingo, 23 de junho de 2024

(11) 3104-4441

BB opera crédito para MPE com subvenção da União no valor de R$ 1 bilhão

Publicado em: 02/06/2024

O Banco do Brasil anuncia que já está aberto para contratações, com subvenção da União, de crédito para Micro e Pequenas Empresas que tiveram perdas materiais em decorrência das enchentes no Rio Grande do Sul. São créditos com condições especiais, via Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) Emergencial RS, que vão favorecer a recuperação das atividades econômicas de regiões impactadas no Estado, são 46 municípios em estado de calamidade e mais 320 em estado de emergência, declarados na Portaria 1.587 de 13/05/2024 do Governo Federal.

De acordo com a presidenta do BB, Tarciana Medeiros, “assim como as MPE, o BB é feito de pessoas. Essa é a nossa essência, a nossa base. Por isso, este apoio às MPE significa garantir e gerar trabalho e renda nesses diversos municípios que foram impactados pelas enchentes. As MPE movimentam a economia, não apenas no RS, mas em todo o país. Com mais este apoio – que se soma às doações, ajuda humanitária e demais flexibilizações negociais – estamos botando em prática o nosso propósito, de ser relevante na vida das pessoas em todos os momentos, inclusive agora”, afirma.

“Todas as ações de apoio ao Estado do Rio Grande do Sul são fundamentais para amparar e apoiar o reestabelecimento da normalidade e reerguer a economia local e mais uma vez o BB será protagonista no apoio às empresas impactadas, por meio da nossa presença ‘fígital’, com nosso atendimento na rede física ou nos nossos canais digitais”, considera Carla Nesi, vice-presidente de Negócios de Varejo do BB.

A União disponibilizou R$ 1 bilhão em subvenção que permite contratar R$ 2,5 bilhões em operações. Desse montante de R$ 1 bilhão, o BB recebeu R$ 400 milhões, que permite a contratação de R$ 1 bilhão em potencial de crédito nos municípios em estado de calamidade. A subvenção no Pronampe é de 40% do valor contratado, utilizados uma única vez por empresa.

Para a contratação da linha de crédito, a empresa deverá comprovar que a sede da empresa é nos municípios afetados e fazer a declaração de perdas materiais decorrentes das chuvas.

As empresas sediadas nos municípios em estado de calamidade e emergência contarão com novos recursos para o Pronampe. O teto de contratação no Pronampe para essas empresas é de até R$ 150 mil, limitado a 60% da receita bruta anual informada à Receita Federal.

Para assegurar agilidade e permitir se antecipar a demandas relacionadas aos eventos climáticos que prejudicam as atividades, o Banco do Brasil mantém o monitoramento dos impactos nas empresas por meio de corpo técnico qualificado. Assim, oferecemos soluções rápidas e simplificadas, de acordo com a necessidade dos empreendedores.

Além disso, o Banco do Brasil continua oferecendo todas as alternativas de crédito para atendimento às mais diversas necessidades das micro e pequenas empresas.

Demais medidas de apoio creditício

  • Disponibilização de crédito em linhas governamentais e próprias com condições diferenciadas;
  • Pula parcela de até 6 parcelas para as linhas de crédito BB e repactuação das operações de Pronampe;
  • Suspensão das ações de cobrança e linhas de renegociação de dívidas com condições diferenciadas, com prazo de até 120 meses;
  • Linhas de repactuação de dívidas (Reperfilamento PJ), com prazo de até 60 meses para as empresas do RS;
  • Bloqueio de protesto cartorário de boletos de cobrança vencidos e não pagos no período de maio/2024 nos cartórios do Estado do RS.

Atendimento aos clientes micro e pequenas empresas

O Banco do Brasil reforça às empresas que está pronto para o atendimento e disponibilização dos recursos, tanto nas agências que estão funcionando quanto nos canais remotos e digitais.
A rede de atendimento do BB no Estado do Rio Grande do Sul conta com 349 agências comprometidas e capacitadas para atender qualquer solicitação de apoio às micro e pequenas empresas gaúchas, de cliente e não clientes, assim como as solicitações das pessoas físicas e produtores rurais.

A empresa se sensibiliza com toda essa situação e entende que apoiar as micro e pequenas empresas é apoiar o Estado do Rio Grande do Sul, afinal, os pequenos negócios são os maiores geradores de emprego e renda no país.

Com todas essas ações o BB reafirma seu compromisso com seus funcionários e com as comunidades afetadas, trabalhando para oferecer o suporte necessário e contribuir para a recuperação da região e de sua população.

Permanecem disponíveis todos os Canais de Atendimento:
Site: bb.com.br/bbapoia
Central de Relacionamento BB: 4004 0001 / 0800 729 0001
Deficientes Auditivos: 0800 729 0088
SAC: 0800 729 0722
WhatsApp: 61 4004 0001
Ouvidoria BB: 0800 729 5678
Canal de Denúncias BB: 0800 300 4455

Demais medidas de apoio do BB

O Banco do Brasil foi uma das primeiras instituições financeiras a manifestar apoio às pessoas atingidas pelas enchentes no RS. Desde o dia 2 de maio, já foram anunciadas uma série de ações que vão desde doações que já ultrapassam a casa dos R$ 60 milhões entre valores do conglomerado BB e o arrecadado por campanha de mobilização social; além de ações humanitárias, para arrecadação de alimentos, água potável, kits de higiene e limpeza, colchões, gás de cozinha, cobertores, bens e utensílios, bem como o acolhendo de desabrigados em alojamentos em diversas Associações Atléticas do Banco do Brasil (AABB) no Estado; e com uma série de flexibilizações negociais, que podem ser consultadas nos releases, com medidas para pessoas físicas, jurídicas, agricultores da região e até mesmo com R$ 3,5 bilhões disponíveis para reconstrução de municípios gaúchos.

Fonte: Banco do Brasil

Fale Conosco
Precisa de Assessoria Jurídica?
Olá, tudo bem? Como a Assessoria Jurídica pode ajudar você? Mande sua dúvida ou informação que necessita.