Boa tarde! Hoje é tera, 05 de julho de 2022

(11) 3104-4441

A importância de feedbacks positivos

Publicado em: 10/08/2017

Existe uma palavra na vida de quem trabalha em grandes corporações que gera um arrepio, falta de ar e taquicardia: feedback. E algo que deveria ser simplesmente uma devolutiva sobre o desempenho que estamos tendo, torna-se um momento de estresse e desconforto, porque associamos essa palavra a um momento no qual seremos criticados, e teremos nossas deficiências expostas.

E feedbacks são necessários? São necessários porque nos trazem uma visão externa sobre o que estamos fazendo. Um outro ponto de comparação e nos ajuda a ver se a nossa percepção do trabalho está alinhada com a visão de outras pessoas.

Agora, podemos dar e receber feedbacks de uma forma positiva. Independentemente do conteúdo, podemos sempre escolher como encarar. Diante de uma crítica, ou quando nos dizem que tivemos um desempenho distante do esperado, podemos levar para o lado pessoal, o que nos deixará com raiva, tristes ou frustrados.

Podemos também analisar o feedback de uma forma mais positiva, procurando entender quais são os pontos a serem desenvolvidos, e conversar sobre estratégias para fomentar essas habilidades. Pode ser necessário solicitar a ajuda de um mentor ou coach para potencializar essas habilidades, e isso só irá ampliar suas qualidades. Você sempre ganha algo.

Curiosamente, diante de um feedback positivo, muitas pessoas não aproveitam a ocasião para comemorar. É muito comum ouvirmos coisas do tipo “Ah, só fiz o meu trabalho”, ou “Não foi nada demais”, etc. E esse tipo de comportamento acaba por transformar uma conquista em algo trivial.

Por trás dessa forma de agir geralmente tem uma crença do tipo “Não mereço”, ou “É muito bom para ser verdade”. Mas ao não comemorarmos, deixamos de ativar no cérebro uma área chamada centro da recompensa.

A ativação do centro da recompensa gera a liberação de neurotransmissores no cérebro que geram uma sensação de prazer e bem-estar e nos motivam a continuar tendo o mesmo tipo de comportamento que gerou a ativação inicial, ou seja se fizemos algo de bom e fomos recompensados, teremos a tendência de repetir esse comportamento para ter mais prazer e bem-estar.

Então ao receber feedbacks positivos, comemore. Isso gera uma melhora na autoestima e irá te manter motivado para seguir adiante.
Se o feedback estiver mostrando uma deficiência, perceba que existe uma oportunidade de crescimento e de desenvolvimento de habilidades ainda latentes. E isso é muito bom.

Dessa forma todo e qualquer feedback trará benefícios e se tornará uma experiência que irá gerar crescimento e bem-estar hoje e no futuro.

Artigo de Marcelo Katayama, médico e terapeuta do Núcleo Ser Treinamento e Consultoria

Para ler os outros artigos publicados na coluna Gerente Assertivo, clique nos temas abaixo:

– Suicídio: desfecho trágico de bancários que sucumbem às violências do trabalho
– Suportar a pressão à custa de muita energia e antidepressivos?
– Palavras negativas levam a emoções similares
– Formas de movimentar o corpo trazem inegáveis benefícios para o estado emocional
– Ah! Se eu tivesse…
– Você vê o copo meio cheio, ou meio vazio?
– E se você soubesse como o seu cliente pensa?

Fale Conosco
Precisa de Assessoria Jurídica?
Olá, tudo bem? Como a Assessoria Jurídica pode ajudar você? Mande sua dúvida ou informação que necessita.